Xilocaína, você sabe o que é? Descubra agora!

xilocaina

Você já foi ao dentista com muita dor e, após ele aplicar uma simples pomada com xilocaína, percebeu que a dor havia simplesmente desaparecido, como que por mágica?

O que parece mágica, aqui, é fruto da ação de um composto famoso por sua ação de combate à dor: a xilocaina. Ou, como é bastante encontrada no mercado, a pomada anestésica com xilocaina.

Ficou interessado em entender um pouco mais sobre esse composto? Então acompanhe esse texto. Aqui vamos te explicar tudo o que você precisa sobre saber esse verdadeiro milagre para o fim da dor.

Xilocaina

Muito usada para combater a dor de dente, dores na pele e na mucosa, a xilocaína é um anestésico local, que age rapidamente sobre os nervos que transmitem os impulsos dolorosos ao cérebro graças a seu princípio ativo: a lidocaína.

Como anestésico tópico, a xilocaina pode ser utilizada para a realização de exames que causem dor ou em procedimentos invasivos, como a entubação, em casos de queimaduras leves, queimaduras de sol ou, ainda, para anestesiar mucosas quando da ocorrência de hemorroidas e fissuras.

Mas, sem dúvida, a fama da xilocaína está na odontologia, já que ela é muito utilizada como anestésico, sendo aplicada na gengiva para procedimentos como a remoção do tártaro.

Outra forma de apresentação da xilocaína, a pomada em gel é utilizada tanto como anestésico de superfície como lubrificante durante alguns procedimentos, como exames feitos com o uso de sonda ou, ainda, para o tratamento de dores associadas à cistite ou uretrite.

Como utilizar a xilocaina?

A pomada anestésica xilocaina age retirando temporariamente a sensibilidade das áreas onde é aplicada. Para que a lidocaína tenha o efeito desejado, é recomendável que a pomada seja aplicada em pequenas quantidades, cobrindo exatamente a área afetada pela dor ou queimadura.

Quando utilizadas em exames feitos via endoscopia, a lidocaína é aplicada no tubo utilizado no teste, antes de seu início. Já para regiões feridas ou queimadas, a aplicação da xilocaína é feita com gases umedecidas.

Outro uso muito comum da pomada anestésica com xilocaína é para amenizar a dor da amamentação, sentida por muitas mulheres que estão nesta fase. Para isso, a pomada é aplicada nos seios, com uma gaze, e retirada antes da próxima amamentação.

Duração da xilocaína

A lidocaína, princípio ativo da pomada analgésica com xilocaína, começa a agir rapidamente, entre um a cinco minutos após a aplicação. Seu efeito dura entre 10 a 15 minutos.

A xilocaína tem efeitos colaterais?

Embora seja um medicamento muito utilizado, a xilocaína, como todos os remédios, tem efeitos colaterais. Seu uso pode, por exemplo, causar alergias em pessoas que sejam sensíveis aos componentes do produto, provocando urticárias. Apenas uma pequena parcela pode sofrer choques anafiláticos ao utilizar uma pomada anestésica com xilocaína.

No entanto, é importante esclarecer que efeitos colaterais mais agudos da xilocaína são provocados em sua maioria quando o medicamento é utilizado em excesso.

Há algum risco no uso da xilocaína?

Em geral, o uso da xilocaína é bastante seguro, mas algumas pessoas podem sofrer complicações graves quando utilizam medicamentos à base de lidocaína. Isso acontece, por exemplo, com aqueles que tem problemas ou doenças no coração ou, ainda, aos alérgicos ao cloridrato de lidocaína.

Leia mais curiosidades em nosso blog.

Tags:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *